RELEASES

Terraceamento: conheça os segredos e benefícios dessa técnica para o solo

A manter a propriedade agrícola sustentavelmente produtiva é necessário utilizar várias técnicas para obter resultados satisfatórios. Curiosamente, muitas técnicas aperfeiçoadas por profissionais  de todo o mundo são mais antigas do que muita gente imagina, desempenhando um papel importante na agricultura há séculos. Um bom exemplo disso é o chamado “terraceamento”, uma técnica agrícola muito importante.

Inventada pelos Incas que viviam nas montanhas da América do Sul, o terraceamento, também conhecido como cultivo em terraços, é uma técnica agrícola geralmente utilizada na criação de terraços através do parcelamento de rampas niveladas no solo.

Características e vantagens

O terraceamento se refere à técnica de cultivo que visa à contenção dos efeitos da erosão na agricultura, formada por grandes volumes de água.

A erosão hídrica está entre os mais relevantes processos de degradação dos solos na agricultura, o que torna a adoção de práticas adequadas para seu controle um dos grandes desafios para a sustentabilidade da produção de grãos no Brasil.

Na prática, o terraceamento consiste na construção de terraços para reduzir o volume de escoamento das águas das chuvas, principalmente quando for um volume elevado em pouco tempo, minimizando o índice de erosões por ela causadas.

Além disso, contribui para a contenção de água, pois, dessa forma, ela escorre mais devagar e tem maior chance de infiltrar na terra.

Embora o terraceamento seja uma importante técnica para o cultivo do solo e preservação com relação às erosões e à lavagem da camada superficial pelo escoamento, sua execução deve contar com um bom planejamento para evitar a danos ao solo.

Fica a dica!

Mesmo em solos sob plantio direto, a enxurrada pode ser expressiva principalmente com chuvas de alta intensidade. Nessas situações, pode até mesmo ocorrer a remoção da palhada pela enxurrada, ocasionando perdas de matéria orgânica, mesmo que se perca pouco solo.

A prática de terraceamento deve ser utilizada conjuntamente com outras práticas de conservação do solo, como a cobertura do solo com palhada, uso de insumos adequados para repor nutrientes no solo, e com boas práticas de manejo, como rotação de culturas com plantas de cobertura.

 

 

Porjeto DNAgro

Canal Rural

Texto: AgroUrbano Comunicação

Fone / whats: (51) 99165 0244

www.agrourbano.com.br

facebook.com/AgrourbanoComunicacao

@agrourbano_comunicacao

Últimos Releases

Preencha seus dados

Preencha corretamente que entraremos em contato o mais breve possível.